Bem vindos ao maior portal de informação sobre Travestilidade e Transexualidade.

domingo, 29 de abril de 2012

Fotos do Troféu Cláudia Celeste, 3º Prêmio de Direitos Humanos,Cultura,Saúde e Cidadania da ATRA RIO

Lendo o Poema de Abertura by Rafael Menezes.
 Prezad@s,


Dividindo com vocês a emocionante noite do nosso 3º Prêmio de Direitos Humanos,Cultura,Saúde e Cidadania da ASTRA RIO nesta versão chamado Troféu CLÁUDIA CELESTE em homenagem a uma das maiores artistas Trans da cena Fluminense.


Foi uma noite emocionante com a Casa de Cultura Laura Alvim(Ipanema)Lotada .


Confiram ..


Majorie
Cláudia Celeste abriu a noite cantando e encantando...destaque para o cenário by Almir França.







Acima a abertura com Cláudia Celeste e seu marido Paulo Wagner em um nº emocionante.


Gratificante ver a emoção desta Grande Diva em vida !

Bárbara Aires Eu ,Welluma e Cláudia Celeste.


 Acima e abaixo a atriz Leandra Leal, recebendo a homenagem na categoria memória em nome de seu falecido avô AMÉRICO LEAL pelo incentivo as produções culturais estrelados por Travestis e Transexuais nos anos 60 no seu Teatro Rival.



O ator Igor Cotrim recebendo o Prêmio de melhor Ator pela interpretação da Travesti "Madonna" no Filme "Elvis e Madonna".

Na categoria Segurança a Chefe de Polícia Civil RJ, Dra. Martha Rocha, foi pessoalmente receber a homenagem. 


Barbara Aires e a atriz Leandra Leal.

Sr. João representando o Deputado Federal Jean Willis vencedor na categoria Política.

 Acima o Estilista Almir França, vencedor na categoria Cidadania Trans por sua incansável atuação pró TTs, abaixo a lendária vedete Brigite Balir vencedorana categoria Cultura por abrir seus teatros para os espetáculos Trans durante a ditadura militar.


Acima  o Representante do Governo do Estado do RJ , o Coordenador do Programa " Rio sem Homofobia" Cláudio Nascimento homenageado na categoria Direitos Humanos pela criação do Decreto do uso do Nome social para Travestis e Transexuais no RJ. Abaixo o vencedor na categoria Literatura Sr JOÃO W NERY, pelo Livro Viagem Solitária.



 Acima equipe do setor de Reconstrução Genital do HUPE vencedores na categoria Sáude pela condução do Processo Transexualizador no SUS / RJ, abaixo a Diva JANE DI CASTRO eleita melhor Cantora.

 Na categoria Moda a Agência de modelos 40º models foi a vencedora por incluir uma modelo Trans em seu Casting feminino acima recebendo a homenagem a Top Trans Felipa Tavares.


 Acima o Coordenador da Diversidade Sexual da Prefeitura do RJ, Carlos Tufvesson recebendo em nome da Prefeitura do Rio de Janeiro peal criação do Decreto municipal do uso do nome socialde Travestis e Transexuais, abaixo o Filme "Elvis e Madonna" eleito na categoria Cinema.

Sharlene Rosa vencedora na categoria Visibilidade Trans.

 Acima a Divina Brigitte de Búzios representando o Sr Luiz Garcia vencedor na categoria Cultura pela criação dos concursos de beleza com Travestis nos anos 70, Abaixo Dandara Vital eleita melhor Atriz pelo espetáculo Transthecov.

 Acima a Editora do Jornal a Record , recebendo pela série Prazer a Venda na categoria Jornalismo, abaixo a Defensora Pública Patrícia Magno vencedora na categoria Cidadania Trans por sua atuação junto a estes segmentos .

 Acima Welluma sempre impecável e abaixo nosso Show da Noite !

Sissy Diamond

Sofonda from Canadá
Lorna Washington
Paulo Wagner

Marcela Nascimento
Fujika di Hallyday






'Homem grávido' diz ter apanhado da ex-mulher nas partes íntimas, diz site


Site 'TMZ' disse ter conseguido documentos judiciais de divórcio.

Thomas Beatie diz ter apanhado mais de uma vez de ex-mulher.


Do G1, em São Paulo
Thomas mudou sexo, mas mantém os órgãos sexuais femininos. (Foto: Reprodução)Thomas mudou de sexo, mas mantém os
órgãos sexuais femininos. (Foto: Reprodução)









Thomas Beatie, o transsexual conhecido como 'homem grávido' por ter gerado três filhos, disse ter apanhado nas partes íntimas pela ex-mulher em discussões na frente das crianças, informou nesta quinta-feira (26) o site 'TMZ' - que afirma ter conseguido documentos do processo de separação. A separação dos dois foi anunciada na mídia americana na semana passada.
De acordo com a reportagem, Thomas diz que a ex é alcoólatra e 'violenta' e que ele foi atacado fisicamente em diversas ocasiões. Ele já teria preenchido os papeis para pedir o divórcio de Nancy Beatie, com quem esteve casado por nove anos. Segundo o 'TMZ', nancy teria negado as acusações e dito que Thomas que abusava dela física e emocionalmente.
Thomas mudou de sexo aos 24 anos e é legalmente homem. Mas mantém os órgãos sexuais femininos. Quando era mulher, se chamava Tracy Lagondino.
Sua ex-mulher Nancy fez uma histerectomia e não pode ser mãe. O primeiro filho foi concebido por inseminação artificial, com esperma de um doador. Depois, ele teve outros dois filhos, Jensen e Austin Beatie.
Em abril de 2008, em entrevista à apresentadora Oprah Winfrey, Thomas disse que, para ele, "a necessidade de ter um filho não é um sentimento masculino ou feminino, mas humano". "Sou uma pessoa e tenho direito de ter um filho biológico", disse ele na época.
Thomas Beatie (à direita) com a mulher Nancy e a filha Susan. (Foto: Hermann J. Knippertz/AP)Thomas Beatie (à direita) com a mulher Nancy e a filha Susan. (Foto: Hermann J. Knippertz/AP)
Thomas Beatie, durante exames em abril de 2008. (Foto: Reprodução/The Oprah Winfrey Show)Thomas Beatie, durante exames em abril de 2008. (Foto: Reprodução/The Oprah Winfrey Show)

Sinop: travesti é esfaqueado nas nádegas em MT



Fonte: Só Notícias/José Carlos Araújo

Um travesti, 40 anos, foi levado para o Pronto Atendimento, após ter sido atingido com um golpe de faca nas nádegas. O fato ocorreu, ontem, por volta das 20h40, na rua das Caviúnas, na região central. O Corpo de Bombeiros foi acionado e fez o encaminhamento da vítima para a unidade médica.

De acordo com informações do sargento Pedro Ribas, a vítima disse que dois homens, em uma motocicleta, passaram próximo e um deles desferiu o golpe. Em seguiram fugiram em sentido ignorado. A Polícia Militar foi acionada e realizou rondas pela região, mas ninguém foi encontrado até o momento.

A vítima passa bem.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Porta Retrato: Beleza Carioca, Perla,Gungalla,Gal Matarazzo,Roberta Close e Rosana Bereson.


Gente !

Direto do nosso CEDOC , um Timaço de  Deusas cariocas Perla, Gungalla,Gal Matarazzo(não era brasileira)radicada no RJ,Roberta Close bem novinha  e Rosana Bereson Ícones de Beleza anos 70/80.

Eternas.

Majorie

Artigo : Lili Elbe, A primeira Cirurgia de Transgenitalização do mundo.


Por : Majorie Marchi





Lili Elbe (1882 - 1931) foi a primeira mulher transexual a submeter-se a cirurgia de transgenitalização.
Nascida na Dinamarca com o nome de registro de Mogens Einar Wegener, ela identificou –se como do gênero masculino a maior parte de sua vida e com esse nome foi um artista de sucesso.
Somente após a cirurgia,ela assumiu o nome de Lili Elbe, existem alugumas contradições quanto ao ano de sua morte que em pesquisa verifico ser 1882 e 1931 o de falecimento.



Como Einar conheceu sua esposa Gerda Gottlieb na Escola de Arte Copenhague (Kunstakademie) , quando tinha 22 anos e Gerda 19 se casaram, ambos trabalhavam como ilustradores, com Einar especializado em pinturas de paisagens, enquanto Gerda livros ilustrados e revistas de moda. Casualmente Einar usava roupas femininas feitas por Gerda. Ambos viajaram pela Itália e França, se estabelecendo em Paris, em 1912, onde Lili poderia viver abertamente como uma mulher e Gerda poderia assumir sua postura lésbica.


Lili Elbe "nasceu" um dia no preenchimento de uma modelo ausente de Gerda;onde ela pediu a Einar para vestir meias e os saltos de modo que pudesse substituir as pernas para aqueles de seu modelo. Einar sentiu surpreendentemente confortável no get-up. [Ao longo do tempo, Gerda se tornou famoso por suas pinturas de mulheres bonitas com assombro olhos amendoados vestidos de moda chique. Em aproximadamente 1913, o público desavisado ficou chocado ao descobrir que o modelo que inspirou representações Gerda de femmes fatales petite foi, de facto,seu marido Einar.

Depois disso, nos anos de 1920 e 1930 , regularmente apresentada como uma mulher, freqüentando festas e divirta-se vários convidados em sua casa como Lili Elbe. Uma das coisas que Lili gostava de fazer era desaparecer, vestindo sua modelagem moda nas ruas de Paris, as multidões de foliões durante o Carnaval. Onde foi muito bem aceita como uma mulher e até recebeu um pedido de casamento muitos anos antes de sua transição cirúrgico. Apenas seus amigos mais próximos sabiam que ela era transexual e para os outros, Elba foi introduzido por Gerda como a irmã de Einar

Lili Elbe recebeu o prêmio em 1907 e exibido em Kunstnernes Efteraarsudstilling (The Fall Exposição Colectiva de Artistas ), Vejle Art Museum e no Saloon e Salon d'Automme em Paris. Ela esta até hoje representada no Museu de Arte de Vejle, na Dinamarca.

Em 1930, Elbe foi para a Alemanha para a cirurgia, que foi apenas em um estado experimental na época. Uma série de cinco operações foram realizadas durante um período de dois anos.
A primeira cirurgia, a remoção dos testículos (orquiectomia), foi feita sob a supervisão do sexólogo Magnus Hirschfeld, em Berlim. O resto das cirurgias foram realizadas pelo Dr. Warnekros na Clínica Municipal da Mulher de Dresden,segunda operação foi para remover o pênis, e transplantar os ovários, que foram tiradas de uma mulher de 26anos de idade. Estes foram logo retirados em uma operação de terceira e quarta, devido à rejeição e outras complicações graves.

A quinta operação foi um transplante de útero e visava permitir Elba, em seguida, se aproximando dos 50 anos, para se tornar uma mãe.

No momento da cirurgia , seu caso já era uma sensação nos jornais da Dinamarca e Alemanha.

O rei da Dinamarca invalidou sua identidade masculina e seuo casamento em Outubro de 1930, e Einar conseguiu seu sexo e nome legalmente alterado, incluindo a recepção de um passaporte como Lili Elbe.
Ela também parou de pintar acreditando ser algo que só fez Einar.

A esposa Gerda nesta foto.
Gerda Wegener casou-se com um oficial militar italiano, aviador, e diplomata, o major Fernando "Nando" Porta, e foi para o Marrocos onde soube da morte de Elbe, que ela descreveu a um amigo como "o meu pobre Lily ". Viveu durante vários anos em Marrakech e Casablanca, após o divorcio, Gerda e voltou para a Dinamarca, onde morreu em 1940.
Após a dissolução do casamento, Elba aceitou uma proposta de um homem desconhecido, que ela pretendia seguir, logo que ela seria capaz de se tornar "uma mãe".
Onde morreu em 1931, devido a complicações, três meses depois de sua quinta e última operação.

Esta operação foi realizaria seu sonho de ser mãe, e envolvendo transplante de um útero,causa de sua morte pela rejeição aos transplantes.Foi enterrada Ela é enterrada em Dresden Alemanha.
The Girl dinamarquês,foi um best-seller internacional e foi traduzido para dezenas de línguas

Os produtores Gail Mutrux e Neil LaBute ,são os produtores da produão sobre a vida de Lili para o Cinema que será interpretada pela atriz Nikole Kidman e Gerda ela atriz Charlize Theron no filme “THE DANISH GIRL”.

O livro Homem na Mulher, sobrea a vida de Lili editado por Ernest Ldwing Hathorn Jacobson usando o pseudônimo de Niels Hoyer , publicado em 1933. O livro também usa pseudônimos para seus amigos.

Schnittmuster des Geschlechts. Transvestitismus Transsexualitat und in der Sexualwissenschaft frühen pelo Dr. Rainer Herrn (2005), Estudo alemão contendo um relato pormenorizado das operações de Lili Elbe, sua preparação e o papel do Magnus Hirschfeld.


Jovem é primeira transexual a presidir o CA de Letras da UFC


Militante da UJS, Silvia Cavalleire, passa a liderar estudantes do maior curso em número de alunos da universidade pública mais procurada do Brasil







































































Antes de prestar vestibular para o Curso de Letras, o maior em número de alunos da universidade pública mais procurada do Brasil e maior instituição de ensino superior do Ceará, a Universidade Federal do Ceará (UFC), Silvia Cavalleire era conhecida por Emilio Araújo da Silva. A estudante do sétimo semestre relata que afirmação de sua sexualidade se deu ainda na escola básica, realizada no Colégio da Imaculada Conceição. “A escola foi essencial para a afirmação de minha sexualidade, pois me ensinou a conquistar o respeito das pessoas, com orientações vindas dos coordenadores e professores. Devo muito à minha escola”, lembra.

Foi a partir daí que Silvia passou a entender a sua orientação sexual e encontrou na mãe a segurança necessária para se reconhecer transexual. “Aos 18 anos, com o apoio da minha mãe, pude assumir o que eu era de fato e quando comecei a acompanhar o debate do movimento de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBTs) passei a lutar pelas causas que acredito”. Silvia relata que foi este engajamento inicial que possibilitou que ela integrasse o movimento estudantil, associando-se a União da Juventude Socialista (UJS), o que acredita que tenha levado ela a se tornar a primeira transexual a presidir o Centro Acadêmico (CA) de Letras da UFC, o que considera uma conquista de toda a população LGBT.

O grupo liderado pela estudante passa a representar os mais de 1500 graduandos do Curso, sendo eleito por mais de 65% dos estudantes. Entre as principais pautas do novo CA, estão os debates estudantis, a infraestrutura dos prédios, a qualidade das salas de aulas, a contratação de professores e a segurança dos discentes e docentes, além de discussões de gênero, sexualidade, acessibilidade e política.

Silvia também atua no Movimento pela Livre Orientação Sexual (Movelos), que desenvolve ações de combate à homofobia e é formado por jovens homossexuais do Ceará.

Para a futura professora de língua portuguesa, mais pessoas devem ser estimuladas a expressar a livre orientação sexual e afirma ser este um dos objetivos da gestão que inicia.

De Fortaleza,
Rafael Mesquita

Fonte: www.vermelho.org.br

Após implante de silicone, transexual desfila de biquíni


Carol Marra comemora as novas medidas após implante de silicone e se prepara para mostrar o resultado no Minas Trend Preview. Foto: Osvaldo Garcia/Divulgação
Carol Marra comemora as novas medidas após implante de silicone e se prepara para mostrar o resultado no Minas Trend PreviewFoto: Osvaldo Garcia/Divulgação























































Fonte:http://moda.terra.com.br
por : ROSÂNGELA ESPINOSSI
Direto de Belo Horizonte
A top transexual Carol Marra é um dos destaques da 10ª edição do Minas Trend Preview, que abre a temporada primavera-verão 2012/2013 nesta terça-feira(24). Esta será a primeira vez que a modelo desfilará usando peças de moda praia após a cirurgia de implante de silicone, realizada no final do ano passado.
Carol comemora as novas medidas, 89 cm de busto, 89 cm de quadril e 62 cm de cintura, distribuídos em 1,80, e afirma que teve que mudar o número da roupa íntima. "Tenho comprado pouca lingerie. Agora, o sutiã é 38, mas no geral não uso, só quando a blusa é muito transparente", contou.
A modelo desfilará com exclusividade para a grife Cila, embora tenha recebido convite de diversas outras marcas. Além de entrar na passarela na noite desta terça-feira (24), na apresentação das grifes participantes, ela também será destaque do evento nesta quarta-feira (25), usando um modelo feito em tule, com detalhes em bordado, em estilo "engana-mamãe".
Formada em jornalismo, Carol atualmente tem um quadro no programa Mulheres, da TV Gazeta, comandado por Cátia Fonseca.
O evento vai até o próximo dia 28 e contará com 180 expositores, 250 marcas e 21 desfiles.